Planejamento financeiro para entrar em um consórcio

Por 26 de outubro de 2018Finanças pessoais

Fazer um investimento é uma maneira de conseguir mais segurança e estabilidade financeira. No entanto, é importante que esse investimento seja adequadamente planejado para caber no seu orçamento e não trazer ônus ao seu dia a dia.

O planejamento financeiro é essencial para qualquer pessoa que deseja adquirir um imóvel, carro, pesado, moto ou qualquer outro item de alto valor. Com um bom planejamento é possível adquirir esses itens com maior economia, sem a incidência de juros ou atrasos nos pagamentos.

Veja algumas dicas para se planejar financeiramente com maior segurança!

Foco em médio e longo prazo

Algumas pessoas se sentem desmotivadas ao fazer um planejamento financeiro a longo prazo, pois normalmente buscam por resultados mais imediatos. No entanto são os projetos de médio e longo prazo que trazem maiores impactos na vida das pessoas, como a aquisição de uma casa, por exemplo.

Com um objetivo em mente, é possível determinar não apenas quais serão os próximos passos, mas todo um caminho que deve ser trilhado para chegar até a sua meta.

O consórcio ajuda as pessoas que têm dificuldade de poupar mensalmente por conta própria, permitindo que você assuma esse compromisso com o pagamento das parcelas e poupando em grupo – podendo até mesmo antecipar a aquisição do bem ou serviço que você deseja.

Entenda a sua realidade

Para que o seu planejamento seja bem sucedido, é importante também que você tenha uma boa visão da sua realidade. Conhecer as capacidades e limitações do seu orçamento é fundamental para separar o que se encaixa na sua necessidade e o que pode ser adiado, a fim de não gerar endividamentos com coisas consideradas supérfluas para o momento.

É importante fazer essa seleção de prioridades, pois os grandes objetivos nem sempre caberão no planejamento de apenas um ano, sendo necessário criar condições para que essa meta se encaixe ao longo de um período maior.

Quanto antes você fizer isso, mais fácil será para concluir esse planejamento e tirar as ideias do papel.

Mude seus comportamentos

Existem diversas ferramentas, inclusive aplicativos para smartphones, que ajudam a criar uma análise dos seus gastos e comportamentos, tornando mais fácil visualizar o que pode ser cortado ou diminuído no seu dia a dia.

Além disso, veja maneiras de conseguir uma renda extra ou de aplicar melhor o que você já possui. Afinal, em algumas situações há pouco o que ser cortado do seu orçamento, então para privilegiar a sua nova meta é necessário criar outras condições para seguir com os seus planos.

Programe-se para o esperado e imprevistos

Existem contas que chegam todos os meses ou anos, como conta de água, luz, telefone, e os impostos (como IPTU e IPVA) e seguros. Mas além disso, é preciso estar preparado para os imprevistos!

Por isso, mensalmente, deixe também um dinheiro reservado para esses momentos, que podem incluir o adoecimento de um membro da família ou um reparo do automóvel ou da casa.

Entre em contato com os especialistas da Govesa e descubra as melhores condições para você entrar em um consórcio fazendo um investimento seguro!

Deixe uma resposta